Pesquisar neste blogue

domingo, 17 de maio de 2009

HOW I WISH...

Gostava de escrever coisas bonitas porque as "coisas" também se escrevem. Mas como sofro de inspiração ocasional, olho em redor e as palavras não me nascem puxadas ao lustro. O engraxador de palavras anda ausente...ou, então, bastante atarefado. Tentando dar brilho ao dia-a-dia que nos chega a casa tão rotulado, no telejornal da noite. Gostava de ver o anti-telejornal, com a outra face da mesma moeda e saber que o mundo ainda sorri perante a humana presença nesta terra que herdamos todos os dias. Que nós, seus fiéis jardineiros, não deixávamos crescer as ervas daninhas das guerras e dos ódios, das ambições e dos loucos poderes; que cortávamos, pela raiz, as urtigas da fome e da pobreza e sarávamos todos os jardins das doenças e das misérias.Gostava de ter, nas mãos, as sementes brilhantes do amor, que explodissem no húmus fértil de todos os corações por aí fora, em folhagens novas de actos humanos altruístas.Gostava de não precisar ligar o televisor para procurar num anti-telejornal as notícias disso. E só porque eu gostava ( e realmente gostaria!) é que o escrevo aqui, em lugar de escrever as coisas verdadeiramente bonitas. Porque as sombras das intenções também podem ser contornadas a brilho.

13 comentários:

Borboleta disse...

Apesar de pertencer à espécie que "supostamente" governa este planeta verde e azul, não entendo os comportamentos dos meus irmãos! Tudo serve para criar guerras, desordem e injustiça... Os interesses dos poderosos interessam mais que tudo! E como fica tudo o resto? Onde está a nossa responsabilidade e dever de nos ajudarmos mutuamente, de manter o planeta são, de respeitar todas as formas de vida...
Gostaria de um dia ver o telejornal e de sorrir...

Matchbox32 disse...

Lindo!
Tanto o texto, como as imagens! O teu bom gosto vem sempre à tona!
Afinal, sempre fui à feira do livro ontem à tarde.

Beijinhos!

Rute disse...

oi minha amiga, passei para desejar boa semana... gostei do texto e das imagens... e ainda dizes que n tens inspiração, mas lá que tens o dom da palavra lá isso tens...
bjs

Teté disse...

Belo texto! Um sonho em forma de prosa, mas com um sentir bem poético... :)

Beijinhos, Su!

Silvia disse...

Oi Su! Boas noites.
Su, nunca mais disseste mais nada, eu ja tenho a troca pronta a te enviar mas perdi a tua morada. Sff diz-me qq coisa.
beijo grande.

P.S. Tu tens um jeitão pra escrever.... espectacular

f@ disse...

Escreves sempre O B E L O...

Uso sempre o teu belo marcador...

desculpa a ausência MAS ESTOU SEMPRE POR PERTO...

imenso beijinho

©carmen zita disse...

Nos mundos encantados são tão importantes a sombra como a luz. Ambas nos ajudam a abrir os olhos.
Beijo grande e saudoso.

Porcelain Doll disse...

O anti-telejornal poderemos apenas cria-lo nós através do nosso amor e da nossa boa vontade... um anti-telejornal que ninguém ouve nem vê na TV, mas que todos sentem no seu coração... :)

As sementes brilhantes do amor temo-las todos... nascemos com elas nas mãos... é uma questão de decidirmos o que fazer com elas...

E... quanto a isto, deixo-te duas ideias iluminadas :P

"Aprendi a lição suprema através da amargura da experiência: a conservar a minha ira e, tal como o calor acumulado se transforma em energia, a ira controlada pode converter-se numa força capaz de mover o mundo." (Gandhi)

"É melhor acender uma luz do que zangar-nos com a escuridão." (Provérbio Chinês)

:D

Beijos grandes, amiga!!

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Sarava!

Para além do que escreves...as imagens q escolheste são fantásticas!


beijinhos

mixtu disse...

yo gostaba de escribir...
sentir...
vivir...
ser...
estar...

vivir...

muchas sonrisas...

abrazo europeo

yayayyaya, excelente como sempre

tonsdeazul disse...

Gotei destas tuas palavras poéticas. Beijinhos

Cruztáceo disse...

passei a ver o telejornal da rtp memória. assim como assim: recordar é viver, e eu ando tão "anti"...
beijituz

Teresa disse...

Belo texto!!
Que toda a tua pouca inspiração saia assim...! :D

Bjinhos