Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Há prazeres que incomodam tanto como as peças de roupa que se despem porque deixam a descoberto a fraqueza do Ser.

2 comentários:

Teté disse...

Gostei da frase, onde prazeres e fraquezas se confundem, da extraordinária foto e da música. Embora tudo muito triste... :)

Beijoca, Su!

su disse...

Obrigado eu, Teté, pela tua visita e passagem aqui pelas teias da Teia...onde os registos são oásis de uma alma árida, muito ocasionais...esta alma sempre foi triste mas agora encontra muitas dificuldades em superar esta volta da vida.
Obrigada pela presença.
Beijos grandes.