Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

...deitar fora...

Estou à espera que o céu caia enquanto fujo da terra em voos e alaridos dignos de uma nova chegada à Terra de Oz. A tempestade começou dentro de mim enquanto adormecia num sereno beijo de boa noite. E o tempo que passa tão devagar debaixo dos meus pés...
...TÃO DEVAGAR...
As espirais de horas desenrolam-se de página em página, esquecidas de serem lidas, esquecidas de serem sentidas. Voam como folhas arrancadas, como pássaros em voos de queda profunda.

...QUEDA PROFUNDA...

E a gente que sente e que se sente, em passos ligeiros marcando a vida, a sua e a dos outros, bate à porta leve, levemente (e mente), não sendo chuva nem sendo vento-o-o-o-o-o-o...mas não há quem queira abrir a porta a gente assim...

...BATEM À PORTA...

Pés de esmeralda ancorando entre dois mundos numa valsa constante de vaivém elíptico...somos dois, somos um, somos aqueles que deixarmos ser...fluindo do canto da alma até ao centro do espaço entre nós...

E desço a avenida deste mundo com pompa e circunstância, batendo latas em poemas e rangendo os dentes em notas de música...caminho sobre a água, sobre os corpos, sobre o passado, sobre as lágrimas e sobre as portas feridas, sobre as crenças abandonadas e sobre as fés perdidas...e o traje que visto serve, também, para deitar fora...

...DEITAR FORA...


8 comentários:

anareis disse...

Estou fazendo uma campanha de doações para criar uma minibiblioteca comunitaria na minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,preciso da ajuda de todos.Doações no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3 Que DEUS abençõe todos nos.Meu e-mail asilvareis10@gmail.com

PONTOS E ARTE'S disse...

desculpas, tive que mudar meublog...
acho que não mandei este link novo direitoa tds...um bom fds...bjins

Ana Paula disse...

Querida madrinha, amo ver seu blog, as músicas são maravilhosas, além dos textos e fotos que são perfeitas!!! òtimo final de semana, estou preparando mimos pra ti!!!! Beijocas!!!

Teté disse...

Ia comentar as magníficas fotos, a brincadeira de palavras a lembrar o poema de Augusto Gil, este modo como nos levas a girar ao som da música em passos de dança, mas, confesso que quando cheguei a final, embasbaquei! Detesto ver malta a chorar!

Aí perdi-me e tive de voltar para trás... ;)

Beijoca e um doce fim de semana para ti e para os bichinhos!

Cruztáceo disse...

Enquanto esperamos o teu regresso ao Kansas, vai fazendo sentir os poetas. E Nós, guardando às páginas sentido a vertigem, a nossa própria, e doutras gentes que sentindo vão abrindo as portas , rasgando as indumentárias, neste e noutro mundo e a entrar neste.

Giane disse...

Oi, Su!

Amo teus textos, os vídeos e músicas que deixas aqui.

Só entristeço quando deixa-nos tanto tempo sem ti...

Beijos mil!!!


PS:Ueba! Vou lá no blog da Ana Paula para conferir!

Sandra Daniela disse...

aii que saudades destes teus post´s!! Adorei!

Beijinho e bom fim de semana!!!

JC disse...

Textos bem escritos, criteriosamente escolhidos que ilustram na perfeição cada imagem.
Beijinhos