Pesquisar neste blogue

sábado, 19 de abril de 2008

CAMPO DE PALAVRAS

Enquanto deito o corpo aqui mesmo sobre o texto.
Não encontro as dobras da noite entre os sonhos.
Acordada.

Conto as estrelas estilhaçadas contra o meu sono.
Pedra. Sonho. Voz. Pedra.
Estico os braços como raízes ao contrário
E piso o céu pontapeando as nuvens
Blocos de almas foragidas entre as frinchas do corpo mal fechado.

Nunca houve chave.
Toque e fuga.
Eras tu agora sou eu.

Um, dois, três
Macaquinho do Chinês.
Não sou mais do que palavras.

Repetidas palavras em vórtices de exaustões.
Contextos lavrados por séculos de autorizações.
Pode-se falar sem se falar.
Não se diz nada.
Não se quer ouvir.
Pedra. Pesadelo. Grito. Pedra.
Enterro os dedos nos cabelos de areia.
Enfeites de estrelas do mar.
Sou mar e sou terra desfeita no mar.

Inicio onde acabo
E do corpo recomeço a lição.

Suave e decorada...
Um Li
Perdi todas as palavras.


Ganhei uma mão cheia de nada.

16 comentários:

O Sussurrar do Corpo disse...

BEIJO....

TV Digital disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the TV Digital, I hope you enjoy. The address is http://tv-digital-brasil.blogspot.com. A hug.

Luna disse...

Belo momento de jogos de palavras jogadas...desde a infância...para todo o sempre

Kátia disse...

As duas últimas fotos são espetaculares!

Sempre maravilhoso vir cá.Quanta saudades!
Estou a regular isto,dá-me tempo...

Bom final de semana e muitos beijos!

REFLEXOS disse...

Olá. Deixei-te um convite no meu blog. Beijo.

Azer Mantessa disse...

hi su,

i am sorry that i can't fulfill the request. i however did something else for you. i converted your poem 'Ondas de Luz' into a song and i hope you like it

take care now :-)

Liz / Falando de tudo! disse...

Hum...tudo muito leve e bonito, inclusive as imgens, e as musicas nem se fale! Amei.
Passando pra dizer um oi, agradecer pela visita no meu cantinho e desejar uma boa semana, pois pra mim esta proxima semana vai ser muito corrida também!

muguet disse...

"Eras tu agora sou eu..."

somos todos e não somos nenhum...todos nós.
iguais, diferentes, semelhantes...mas todos inevitavelmente iguais dentro da diferença.
o nada ocupa um espaço, dentro de nós, maior que o espaço do vazio...acredito que há uma diferença. assim como acredito que é através do espaço desocupado que se encontram cantinhos para se encher de novos sentires, de novas palavras. onde se perdem umas ganha-se a possibilidade de nos completarmos, ainda que momentaneamente, com outras, que logo deixarão de nos servir, para de novo serem substituidas por umas ainda mais novas, adequadas ao momento, à nuvem pontapeada, à estrela estilhaçada ou ao sonho dobrado...
diz a minha camada mais que perfeita que a mudança é sinónimo de inteligência. eu acrescento que só pela mudança conseguimos por uma pegada à frente da outra, seguido o nosso caminho e descobrindo onde nos leva a outra...em frente, sempre em frente. mesmo que por vezes pareça que esse em frente é um passo atrás, na realidade é apenas um passo dado num outro sentido, mas sempre caminhando.

estava aqui a pensar nos james...e aquela música tem mesmo um sabor muito especial, representa mil sentires e a pensar...qual a música que te dava agora e, de repente, apenas me veio uma à memória, uma que também adoro...it's oh so quiet, björk...porque sei que também adoras, ela vai para ali, para ti...

beijo, sabor a palavras que não precisam de ser faladas

Teté disse...

Adorei! Do campo de jogos aos jogos de palavras, para um campo de palavras que, numa fase posterior, não se deve limitar a ser papagueado, mas a reflectir a linha de pensamento de cada um de nós...

Mas por vezes sentimos falta dessa linguagem universal - a da criança - e temos dificuldade em encontrar a palavra apropriada a cada momento, sem cairmos num palavreado oco ou em terminologias exageradas... ;)

Um bom Domingo para ti, amiga, e festinhas aos bichinhos!

P.S. - obrigada pelos "docinhos"!

su disse...

sussurrar: Beijo para ti também.

luna: Há palavras e coisas do passado que ficam para sempre e fazem de nós o que somos actualmente. Beijos.

Kátia: Regula com o tempo que a Teia andará sempre por cá! Beijo grande, miga.

reflexos: desafio aceite e será respondido para breve! ;) Beijos.

azer: But you have surprise me over all my expectations! You have a lovely gift to me that it`s wondeful! Thanks again. Lot´s of kisses!

liz: Obrigado pelas tuas palavras. És sempre recebida como um sol por cá. Beijinhos.

su disse...

muguet: Todos nós sendo semelhantes encontramos nos nossos espaços vazios cantinhos diferentes nos quais deixamos germinar determinadas sementes. Determinados passos que nos levarão sempre mais à frente ou mais ao lado ou até mesmo mais atrás...a questão do espaço tal como a do tempo é apenas referencial...precisamos de coordenadas referenciais e catálogos e rótulos para sobreviver nos espaços que temos. Mas no final sabemos sempre que o nosso caminho é aquele mesmo que parece isto ou aquilo.A mudança é uma forma de caminhar...uma das formas. Inteligente e super coerente. Tudo nas doses e situações certas. Ó linda, adorei a música...sabes que Bjork é one of my favourites...deves estar a imaginar que deve fazer parte da minha lista que ando a apresentar aos poucos e poucos...e faz mesmo! Depois Vês! ;) Já te vou deixar uma musiquinha só para ti também, com sabor fresco de Primavera e de mudança!

:)))))))

su disse...

teté: Caímos tantas vezes no mundo das máscaras das palavras e esquecemos aquela simplicidade certeira e objectiva que as crianças usam despreocupadamente e sempre "na mouche", não é?! :)
Os jogos e as brincadeiras de criança são só mais uma forma de viajar pelo nosso tempo, atrás dele, dando-lhe a volta pelas costas...e sabe tão bem por vezes...
Não agradeças nada...que "saboreies" sempre. Um bom final de domingo para ti de todos aqui de casa!

:))

tonsdeazul disse...

E eu ganhei uma mão cheia de tudo ao ler estas tuas palavras que me fizeram sonhar em nuvens de algodão doce!

Oliver Pickwick disse...

Este texto é uma verdadeira teia. Enreda e emaranha, às vezes vai pra lá de Marrakesh; volta, sobe, desce. Contudo, sem jamais perder o rumo do tear.
Um beijo!

Lenita Boneca de Porcelana disse...

Meninas... ajudem-me que ando perdida... estamos a fazer uma nova playlist, verdade?? E como vai ela?? Se calhar podíamos acondicioná-la no nosso maravilhoso e lindo e fantabulástico e incrível e maravilhoso blog a três, não??

Linda Su, que mal lhe pergunte, a menina chegou a instalar o messenger?? Se sim, queira informar-nos pois seria de todo o interesse comunicarmos as três ao mesmo tempo, em tempo real, por esse meio, que me diz?

Quantas vezes o meu corpo desaba em cima dos textos eh, eh, eh.. olha e desde que tomei conhecimento do que são insónias não tenho nada a opôr, às vezes enervava-me, dizia que era como os velhos, a deixar-me dormir em cima das coisas, mas ouve... vês no que dá o preconceito? Antes ser como os velhos e dormir como deve ser!! Ahahahah!!!

E quanto à mão cheia de nada... não te preocupes, pois não é muito diferente do que ganharias se tivesses ganho algo mais do que isso... as palavras não as perdes nunca assim estejas em ti... quando se vão é para retornarem com mais força e com novidade.

Bjoka

muguet disse...

sim, miuda gira, a menina chegou a instalar o messenger???? hummm???? não lhe parece que já é tempo de tomar esse chá delicioso que andamos a servir em mesinhas separadas????
:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D:D

olha, para te ser mesmo muito, mas muito sincera, detesto o gmail (aiii se os tipos do blogspot sabem disto, pior que a ASAE...) acho aquilo pavoroso de tão inestético que é...não tem cor, é tudo igual...francamente, não me entendo com ele. por isso nem sequer o abro e nem sei usar o Talk... além de que acho que ou estás online ou então nem sabes quem está...e como eu estou muitas vezes offline (o povinho é imenso) no msn sempre dá para ver quem entra... bora lá miuda, cumbersas a três, vale???

olha, a música ficou um espectáculo, era mesmo aquilo...adoro esta música, faz-me sonhar e curiosamente acho que tem muito a ver comigo... dream on girl...sou mesmo eu :DDD

bigadaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

lenita, minha pequenita endiabrada, acho que a ideia é mesmo criar uma nova playlist e a tua ideia de a colocar no "nosso" cantinho é absolutamente fenomenal...bora começar a coleccionar músicas???

beijo enorme, miúdas, sabor a chá cheio de sabores...